02 agosto 2022

Prefeita de Baianópolis desconta salário dos Professores por dias paralisados e categoria segue reivindicando direitos de reajuste salarial de 33,24%



    E as persseguições continuam aos professores baianopolenses, na manhã de hoje os profissionais da educação de Baianópolis foram supreendidos com o desconto nos salários em decorrência dos atos de paralisação que ocorreu no mês de Julho de 2022. É, justo? Segundo alguns sim. Mas, com essa atitude quando o calendário escolar precisar ser fechado, as aulas que terão que ser repostas deverá ser paga (extra). Caso  não ocorra o pagamento posterior as aulas não serão repostas visto que já foram descontadas do salário deles, então juridicamente não devem nada ao município. Lembrnado que o pagamento do reajuste não sai de recursos próprios, e sim de verba federal não repassada pela prefeitura para o devido reajuste.

    E, não há o que cobrar dos professores porque tiveram sua vida financeira reduzida por causa do desconto salarial.

    É uma marca da categoria que afirmava que se houvesse acordo as aulas seriam repostas sem ônus ao município, mas diante dessa atitude da gestora, se não houver pagamento extra não haverá reposição de aulas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário