27 agosto 2022

SEM NOVA PROPOSTA PROFESSORES SEGUEM SEM REAJUSTE DO PISO SALARIAL DE 33,24% EM BAIANÓPOLIS E CATEGORIA DECIDIRÁ QUAIS NOVAS MEDIDAS SERÃO TOMADAS PARA SETEMBRO


    Reuniram-se na sala de música sito à Rua 7 de Abril na manhã de ontem (26/08) representantes do Executivo Municipal, Representantes da APLB Sindicato Baianópolis e representantes de Pais com o objetivo de chegar a um denominador comum sobre uma proposta de reajuste do piso salarial de 33,24%.

     O impasse continua, pois os representantes da APLB anseiavam por uma nova proposta de reajuste salarial, e frustrados porque o executivo municipal não apresentou uma nova, mas mantendo apenas o reajuste de 10,06% para todos os funcionários públicos.

     Segundo representante do Executivo Municipal, caso o impasse continue com as paralisações, os descontos nos salários dos servidores continuarão e serão realizados contratos emergenciais com o intuito de tentar fechar o calendário municipal escolar. 

        Já a representante da APLB Sindicato Zélia, afirmou que com esse percentual a luta continua com as atividades decididas pela categoria em assembleia.

     Foram apresentados relatórios técnicos pela contabilidade da prefeitura, mas que não convenceu os representantes dos Professores. Segundo os representantes da categoria dos professores cerca de 6 MILHÕES que estão em caixa podem ser utilizados no ano de 2022.

     Ressalta-se que no início da reunião houve uma tentativa de impedimento de transmissão ao vivo da reunião pela Secretária Municipal de Educação, alegando que o caráter era sigiloso, acionou o jurídico da Prefeitura que postulou para os demais integrantes da reunião sobre o possível impedimento pela possível demonstração de dados técnicos, mas, a maioria decidiu por autorizar a transmissão tendo em vista o INTERESSE PÚBLICO. (trecho inicial da transmissão via live facebook)

CLIQUE AQUI E VEJA A transmissão da Live via facebook 

Imagem: blog/cademeuwhiskey

Nenhum comentário:

Postar um comentário