12 junho 2022

Munícipes indignados com EMBASA querem ressarcimento por fornecimento de água suja em Baianópolis

ÁGUA inservível para consumo humano


   No último dia 08/06 foi alertado por prepostos da EMBASA que estava faltando água na cidade porque equipes estavam trabalhando para consertar um problema na estação de captação de água que fica na zona rural de Catolândia. No transcorrer dos 3 dias sem água, no último dia ao finalizar os serviços a sujeira acumulada na tubulação acabou sendo despejada nas caixas dáguas ou recipientes de armazenamento de água dos baianopolenses.

Vídeo Gravado por morador de Baianópolis

   A água com aspecto turvo (lama) praticamente inutilizou e ainda completou as caixas com água de péssima qualidade, tendo que ser realizada a limpeza das caixas e descarte da água suja que foi contabilizada como consumo nos domicílios. A equipe de campo resolveu o problema, como sempre, mas, a qualidade da água dessa vez ficou a desejar.

    Foi registrado no 0800 reclamação por munícipe, só que a informação é que a empresa teria até o dia 26/06 para mandar um técnico fazer a análise da água. Agora, imagine ficar com água suja na caixa sem poder usar por mais de 18 dias?




    Moradores solicitam que o poder Executivo e o Legislativo tomem providências com relação a esse prejuízo público, convocando a gerência da embasa para prestar esclarecimentos de como resolver essa situação e transtorno causado ao povo baianopolense.

   Sabe-se o quanto é ruim ter um serviço prestado de baixa qualidade, mas se o povo reconhecesse que a dificuldade que enfrentamos pra tentar restabelecer o mais rápido possível o abastecimento, acho que teria uma visão diferente, tivemos que alugar equipamentos e máquinas trabalhando até de noite.
   Informam ainda que está sendo  providenciando uma lavagem nos reservatórios e descargas nas redes, ainda deve ter muita impureza impregnada, disse o preposto da Embasa.



Nenhum comentário:

Postar um comentário